Borda superior compartilhada

 

 

         Menu
    DENATRAN
    LEGISLAÇÃO
    SERVIÇOS ONLINE
    EDUCAÇÃO
    ESTATÍSTICA
    OUTROS
Últimas Notícias

Publicado em 23 de abril de 2012

 

Encontro Nacional de Segurança e Crimes de Trânsito

 

Durante a semana passada ocorreu em Campo Grande (MS) o Encontro Nacional de Segurança e Crimes de Trânsito, estiveram presentes diversas autoridades, entre elas o Diretor do Departamento Nacional de Trânsito, Julio Ferraz Arcoverde; o Governador do estado de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli; o Presidente da OAB-MS, Dr. Leonardo Avelino Duarte e a Diretora geral da Polícia Rodoviária Federal, Inspetora Maria Alice Nascimento Souza discutiram o assunto.

No discurso de abertura, Julio Ferraz Arcoverde afirmou que o atual Código de Trânsito Brasileiro precisa de ajustes. "Nosso Código é um dos mais avançados do mundo. Temos é que atualizá-lo, porque temos uma aumento de tecnologia. Acredito que até 2013 teremos essa atualização", disse.

Segundo o diretor do DENATRAN, este processo pode ter início ainda no ano de 2012, pois o Congresso Nacional estuda a possibilidade da criação de uma comissão especial para estudar e discutir as alterações necessárias. Para Arcoverde, as mudanças devem ter como foco principal o uso de novas tecnologias. “Usar mais elementos de tecnologia para que possamos melhorar o trânsito é a principal mudança que deve ocorrer. E segundo, tornar mais rígidas algumas leis que estão muito brandas”, afirmou.

A iminente atualização do Código no Congresso Nacional, não impede o trabalho do DENATRAN que atualmente se foca nas mais de 1600 propostas relacionadas com o trânsito presentes na Câmara dos Deputados. "Enquanto o Código não é atualizado, vamos brigando por alguns projetos de leis que trazem avanço, como a matéria aprovada na Câmara que tornou mais rígida a Lei Seca", destacou Arcoverde.

O ponto forte do encontro foram as palestras e seminários. As inscrições gratuitas estimularam a participação. Diversas autoridades de trânsito e juristas do Direito enfatizaram a importância de conscientizar a população visando à conscientização da população para a situação atual do trânsito no Brasil. No dia de ontem (19) houve uma caminhada pela paz no trânsito pelas ruas de Campo Grande, o evento reuniu mais de mil pessoas com faixas, panfletos e camisetas, todos fazendo referência à conscientização das pessoas em busca de um trânsito mais seguro.

Um dos temas com maior destaque na manifestação foi a nova lei seca. “Estamos aqui para dizer que aprovamos as mudanças na Lei Seca. A Lei vai punir com mais rigor os motoristas que conduzirem embriagados”, disse o comandante da Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran), tenente-coronel, Alírio Vilasanti.

Hoje pela manhã aconteceu uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. Entre os convidados, gestores da saúde, educação e transporte, estudantes, profissionais do volante, ciclistas e motociclistas e pedestres. Os principais assuntos discutidos foram os crimes de trânsito e a nova lei seca.

Para o superintendente de Segurança Pública da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), André Matsushita Gonçalves, as discussões sobre o tema e a mudança na lesgislação atual podem resultar em uma mudança de atitude na população. “Falar sobre a Lei Seca e da prática de ingestão de bebida alcoólica, associada à direção, vem ao encontro com uma transformação da conduta dos motoristas. Queremos que o indivíduo entenda e que ocorra uma mudança de atitudes no trânsito”, explicou o superintendente da Sejusp.

 

 

Setor de Autarquias Sul, Quadra 1, Bloco H, 5º andar CEP 70070-010 Brasília-DF - denatran@cidades.gov.br